O Anticristo Dajjāl, o Retorno do Messias – Jesus, Filho de Maria e a Liberação de Gog e Magog

Todos os louvores são devido a Allāh e que a paz e as bençãos de Allāh estejam sobre Seu Mensageiro Muḥammad, sua família, seus Companheiros e todos aqueles que seguem o caminho deles precisamente.

Em verdade, a melhor fala é a Fala de Allāh, a melhor orientação é a orientação do Profeta Muḥammad ﷺ e a pior de todas as questões são as novas questões introduzidas na Religião (para as quais não há prova textual) pois cada questão nova introduzida na Religião é uma inovação, toda inovação é um desvio e todo desvio leva ao Fogo do Inferno.

Prosseguindo:

O Ahlus-Sunnah wal-Jamā’ah acredita que o Falso Messias, o Anticristo, o Masīh Ad-Dajjāl irá emergir e espalhar sua tribulação através da terra. Ele terá um olho só e a palavra Kāfir será escrita entre seus olhos. Acreditamos que ele existe e acreditamos nos aḥādīth autênticos relatados pelos estudiosos de ḥadīth sobre ele, que Jesus, o filho de Maria, descerá e o matará em Ludd (Lod). Bukhārī e Muslim relataram de Anas que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Não houve um Profeta enviado por Allāh, exceto que ele avisou seu povo do Al-A’war Ad-Dajjāl, o Mentiroso Caolho. Na verdade, ele tem um olho só e o seu Senhor não tem um olho só. Terá escrito entre seus olhos a palavra Kāfir.” [Bukhārī, 7131 e Muslim, 2933]

Os aḥādīth relativos ao Dajjāl são mutawātirah, ou seja, eles são narrados por muitos narradores em todos os níveis da cadeia de narração de forma que eles nunca poderiam ter se reunido para inventar uma mentira, então não há dúvida da sua autenticidade.

O Shaykh Al-Albāni, rahimahullāh, disse:

“Saiba que os aḥādīth com relação ao Dajjāl e a descida de Jesus ﷺ são mutawātirah, necessitando que se acredite neles. Não se deixe enganar por aquele que afirma que essas narrações são ahād (ou seja, menos do que mutawātirah), porque aqueles que dizem isso são ignorantes desta ciência. Não há ninguém que tenha seguido essas cadeias de transmissão, pois se o fizessem, teriam percebido que são mutawātirah, assim como foi declarado pelos grandes estudiosos dessa ciência, como Ibn Hajar e outros. É realmente lamentável que alguns tenham se sentido ousados o suficiente para falar sobre um caso em que não têm experiência. Isso é ainda mais sobre um caso que está conectado à religião e a ‘Aqīdah.” [Sharh Al-‘Aqīdah At-Tahāwiyyah, pág. 501]

Muslim e Abu Dawūd relataram de An-Nawwās ibn Sam’ān, raḍiAllāhu ‘anhu, que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“É outro além do Dajjāl que eu temo para vocês. Se ele aparecer enquanto eu estiver entre vocês, eu lutarei com ele em nome de vocês, mas se ele aparecer quando eu não estiver entre vocês, cada pessoa deverá lutar com ele em seu próprio nome e Allāh cuidará de todo muçulmano, mesmo depois de eu ter partido. Aqueles de vocês que viveram até o tempo do Dajjāl devem recitar diante dele os versículos de abertura da Surat Al-Kahf, pois esses versículos são para proteção da sua provação.” Perguntamos: “Quanto tempo ele permanecerá na terra?” Ele respondeu: “Quarenta dias, um dia como um ano, um dia como um mês, um dia como uma semana e o resto dos dias dele será como os seus dias.” Nós perguntamos: “Ó Mensageiro de Allāh, as orações de um dia serão suficientes para nós nesse dia que será como um ano?” Ele ﷺ respondeu: “Não, você deverá fazer uma estimativa da sua extensão. Então Jesus filho de Maria descerá nos minaretes brancos do oeste de Damasco. Ele então irá alcança-lo nos portões de Ludd e irá mata-lo.” [Abu Dawūd 4321]

Então, essa é a ‘Aqīdah do Ahlus-Sunnah como relatado nestes aḥādīth.

Antes do aparecimento do Dajjāl, haverá momentos de dificuldade severa e provações. Abu Umāmah, raḍiAllāhu ‘anhu, narrou que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Antes do Dajjāl aparecer haverá três anos de dificuldade nos quais as pessoas sofrerão de fome severa. No primeiro ano Allāh comandará o céu a segurar um terço da chuva e a terra a segurar um terço da sua produção. No segundo ano Ele comandará os céus a segurar dois terços da chuva e a terra a segurar dois terços da sua produção. No terceiro ano Ele comandará o céu a segurar toda sua chuva e nem uma gota cairá e a terra segurar toda a sua produção e nada crescerá. Todos os animais com cascos fendidos morrerão, exceto aqueles que Allāh desejar.” Foi dito: “De que as pessoas viverão nesta época?” Ele ﷺ disse: “Tahlīl (lā ilāha illAllāh), takbīr (Allāhu akbar), tasbīh (subhanAllāh) e tahmīd (al hamdu lillāh). Isso ocupará o lugar da comida para eles.” [Ibn Mājah, 4077, Ibn Khuzaymah em At-Tawhīd 2/458, Al-Hākim em Al-Mustadrak, 8620. Autenticado por Al-Albāni em Sahīh Al-Jāmi’ 7875] Em um outro palavreado, o Profeta ﷺ disse: “Antes do aparecimento do  Dajjāl, haverá três anos muito difíceis em que as pessoas serão atingidas por uma fome severa.”

Então o Dajjāl aparecerá depois disso. O Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Não haverá nenhuma tribulação na terra, desde a época em que Allāh criou a descendência de Ādam, que será maior do que a tribulação do Dajjāl. Allāh não enviou nenhum Profeta, exceto que tenha advertido sua nação sobre o Dajjāl. Eu sou o último dos profetas e vocês são a última das nações. Ele, sem dúvida, aparecerá entre vocês.” [Ibn Mājah]

O Mensageiro ﷺ explicou em detalhe sua aparência, de onde ele virá e o engano que ele usará para prender as pessoas. O Profeta ﷺ disse:

“Ele irá emergir de Al-Khallah, entre a Síria e o Iraque e vai causar estragos à direita e a esquerda. Ó servos de Allāh, permaneçam firmes. Vou descrevê-lo para você de uma maneira que nenhum dos Profetas o descreveu antes de mim. Ele vai começar dizendo: ‘Eu sou um Profeta’ e não há nenhum Profeta depois de mim. Então, pela segunda vez, ele dirá: ‘Eu sou o seu Senhor’. Mas você não verá o seu Senhor até que você morra. Ele tem (somente) um olho e seu Senhor não tem (somente) um olho e escrito entre seus olhos está a palavra Kāfir (كفر). Todo crente será capaz de lê-lo, seja alfabetizado ou analfabeto. Parte de sua fitnah será que ele terá consigo o Paraíso e o Inferno, mas seu Inferno será um Paraíso e o seu Paraíso um Inferno. Aquele que seja testado com seu fogo, busque a ajuda de Allāh e recite os primeiros versículos da Surāh Al-Kahf , deste modo o fogo será fresco e seguro para ele, como o fogo foi para Ibrāhīm (Abraão). Parte de sua fitnah será que ele dirá a um beduíno: ‘O que você acha, se eu ressuscitar seu pai e sua mãe para você, você dará testemunho de que sou seu Senhor?’ O beduíno dirá: ‘Sim’. Então, dois demônios aparecerão para ele na forma de seu pai e sua mãe e eles dirão: ‘Ó meu filho, siga-o, pois ele é o seu Senhor.’ Parte de sua fitnah será que ele dominará uma única alma, um jovem e irá mata-lo. E ele vai cortá-lo com uma serra até que ele caia em dois pedaços. Então ele dirá: ‘Olhe para este meu servo. Vou agora ressuscitá-lo. Então ele irá afirmar que tem um Senhor diferente de mim. Então Allāh ressuscitará essa alma e o Dajjāl dirá a ele: ‘Quem é o seu Senhor?’ Então o jovem dirá: ‘Allāh é o meu Senhor e você é o inimigo de Allāh, você é o Dajjāl. Por Allāh, nunca tive uma visão mais segura sobre você do que hoje.” [Ibn Mājah]

O Mensageiro de Allāh ﷺ continuou:

“Parte da sua fitnah será que ele comandará o céu a chover e irá chover; e ele comandará a terra a fazer crescer a vegetação e irá acontecer. Parte da sua fitnah será que ele passará por um clã e eles não acreditarão nele, então todo o gado deles morrerá e nenhum será deixado. Parte da sua fitnah será que ele vai passar por um clã que vai acreditar nele, então ele vai mandar o céu chover e vai chover. Ele ordenará que a terra produza vegetação e assim o fará, até que seu gado volte ao entardecer daquele dia, maior e mais gordo do que nunca, com os flancos esticados e os úberes cheios de leite. Não restará nenhuma parte da terra na qual ele não entre e prevaleça, exceto em Makkah e Madinah, pois ele não se aproximará delas em qualquer um de seus caminhos de montanha, exceto que será recebido por Anjos com espadas desembainhadas, até que ele pare na colina vermelha no final do pântano. Então Al-Madinah será agitada com seu povo três vezes, nenhum hipócrita, homem ou mulher permanecerá ali, todos sairão para ele. Assim, ela (Al-Madinah) será limpa de impurezas, assim como o fole limpa as impurezas do ferro. E esse dia será chamado de Dia da Libertação (Yawmul-Khalās).” [Ibn Mājah]

Então, vemos como o Mensageiro ﷺ descreveu o Dajjāl com tantos detalhes que podemos vê-lo em nossa mente. Isso foi feito para que ninguém seja enganado ou iludido por ele. O Dajjāl reivindicará Rubūbiyyah (Tawhīd do Senhorio) e enganará as pessoas com coisas que as surpreenderão. Mas os constantes não se deixarão enganar, assim como o jovem cortado ao meio não será enganado. ‘Imrān Ibn Husayn narrou que o Mensageiro de Allah ﷺ disse:

“Quem ouvir que o Dajjāl apareceu, que fique longe. Por Allāh! Um homem vai se aproximar dele pensando que ele é um crente e acabará seguindo-o pelo que ele lança sobre ele a partir de dúvidas e mal-entendidos.” [Abu Dāwūd 4319 e autenticado por Al-Albāni]

Este ḥadīth é usado como prova pelos estudiosos de que uma pessoa deve se manter longe de Ahlul-Bid’ah e Ahlul-Ahwā. O Dajjāl usa argumentos e dúvidas que abalam a fé de um crente firme e a ‘Aqidah (crença). Isso é o que acontece da mesma forma quando alguém se expõe às ideias, escritos e discursos do Ahlul-Bid’ah. Uma pessoa tem bons pensamentos sobre suas próprias habilidades, ela acredita que conhece a verdade e pode distinguir entre ela e a falsidade. Então, ele comparece às reuniões do Ahlul-Bid’ah e ouve seus discursos e, eventualmente, fica abalado com suas dúvidas e as segue, assim como o homem que acaba seguindo o Dajjāl. O homem que se aproxima do Dajjal tem certeza de que o Dajjāl é um mentiroso, ele é um ser humano que é incapaz de fazer o que está fazendo, exceto que Allāh o fez uma prova. Ele vê que tem um olho só, que tem a palavra kāfir escrita entre os olhos. Mesmo assim, ele acaba seguindo-o e tomando-o como seu Senhor. Portanto, ser enganado pelo Ahlul-Bid’ah é ainda mais fácil, pois eles não têm tais marcas corporais alertando as pessoas sobre eles, então uma pessoa nunca deve imaginar que está a salvo de ser enganada. Assim como recebemos a ordem de ficar longe do Dajjal quando ele aparecer, da mesma forma devemos ficar longe das reuniões do Ahlul-Ahwā devido às dúvidas e mal-entendidos que lançam sobre a Sunnah e o Alcorão. O Mensageiro ﷺ descreveu suas características: Ubadah ibn as-Samit disse que o Profeta ﷺ disse:

“Eu falei tanto sobre o Dajjāl que temo que vocês não entendam. O anticristo é curto, com pés tortos, cabelo encaracolado e tenso, um olho só, um olho cego, nem proeminente nem profundo. Se você está confuso sobre ele, saiba que o seu Senhor não é caolho.” [Abu Dawūd, nº 4320]

Os Cristãos Exageram o Status de Jesus, Enquanto o Islām Dá Seu Direito Como Um Nobre Profeta:

Abu Hurayrah narrou que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

أَنَا أَوْلَى النَّاسِ بِعِيسَى ابْنِ مَرْيَمَ فِي الدُّنْيَا وَالآخِرَةِ، وَالأَنْبِيَاءُ إِخْوَةٌ لِعَلاَّتٍ، أُمَّهَاتُهُمْ شَتَّى، وَدِينُهُمْ وَاحِدٌ

“Eu sou o mais próximo de todas as pessoas de Jesus, o filho de Maria, tanto neste mundo como no outro. Os profetas são todos irmãos paternos, suas mães são diferentes, mas sua religião é uma.” [Al-Bukhārī, nº 3443]

Jesus era piedoso (sālih) e confiava em Allāh. Abu Hurairah narrou que o Profeta ﷺ disse:

رَأَى عِيسَى ابْنُ مَرْيَمَ رَجُلاً يَسْرِقُ، فَقَالَ لَهُ أَسَرَقْتَ قَالَ كَلاَّ وَاللَّهِ الَّذِي لاَ إِلَهَ إِلاَّ هُوَ. فَقَالَ عِيسَى آمَنْتُ بِاللَّهِ وَكَذَّبْتُ عَيْنِي

“Jesus, vendo um homem roubando, perguntou-lhe: ‘Você roubou?’ Ele disse: ‘Não, por Allāh, Aquele que ninguém mais além Dele tem o direito de ser adorado.’ Então, Jesus disse: ‘Eu acredito em Allāh e suspeitarei dos meus olhos.’” [Al-Bukhārī, nº 2444]

Acreditar e amar Jesus é parte integrante da crença do muçulmano e os cristãos que se tornam muçulmanos recebem uma recompensa dupla. Abu Musa Al-Ash’arī narrou que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Se uma pessoa ensina sua escrava caráter e maneiras excelentes e a educa adequadamente, e então a liberta e se casa com ela, ele receberá uma recompensa dupla.”

وَإِذَا آمَنَ بِعِيسَى ثُمَّ آمَنَ بِي، فَلَهُ أَجْرَانِ

“E se um homem acredita em Jesus e depois acredita em mim, ele receberá uma recompensa dupla…” [Al-Bukhārī, nº 3446]

No entanto, os cristãos exageraram em Cristo, se opuseram aos Mandamentos que subsistem até hoje, embora alterados e distorcidos. Então, eles o adoraram, embora ele fosse um Profeta e Mensageiro. Em sua própria Bíblia, o primeiro mandamento diz: “Eu sou o Senhor teu Deus, que te tirou da terra do Egito, da terra da escravidão. Você não terá outros deuses além de mim.” (Êxodo 20: 2-3) Este é o Deus de Moisés (que a paz esteja com ele). Foi Ele quem enviou Jesus como Seu servo e Mensageiro, e não como um deus a ser adorado. No Novo Testamento, o Primeiro Mandamento é reiterado: “Jesus declarou: ‘Ame o Senhor seu Deus com todo o seu coração, com toda a sua alma e com toda a sua mente’. Este é o primeiro e maior mandamento.” (Mateus 22: 37-38) Então Jesus (que a paz esteja sobre ele) confirma o Senhor de Moisés, que é o Deus verdadeiro digno de adoração e amor. Eles também se opuseram ao segundo mandamento que diz: “Não farás para ti mesmo um ídolo ou qualquer semelhança do que está no céu acima ou na terra abaixo ou nas águas abaixo da terra. Você não deve adorá-los ou servi-los, pois Eu, o Senhor seu Deus, sou um Deus zeloso.” (Êxodo 20: 4)

No entanto, os cristãos fazem imagens e estátuas de Jesus e sua mãe, Maria, e os adoram – e cada imagem ou estátua que fazem é diferente da outra. Existem imagens dele para a África, imagens para a Europa, imagens para a América do Norte e em todo o mundo. Além disso, eles adoram a cruz como um símbolo de Cristo, eles a usam como um amuleto e buscam proteção com ela. Isso é idolatria, sem dúvida. Por esta razão, o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Não exagere ao me elogiar como os cristãos exageram no louvor de Jesus, filho de Maria, pois sou apenas um servo, então diga: ‘Ele é o servo de Allāh e Seu Mensageiro.’” [Al-Bukhārī, nº 3445]

O Mensageiro de Allāh ﷺ viu Jesus. Sālim narrou de seu pai, que disse:

“Não, por Allāh, o Profeta ﷺ não nos disse que Jesus era de pele vermelha, mas ele disse: “Enquanto eu estava dormindo fazendo Tawāf na Ka’bah, eu vi um homem de pele castanha bronzeada e cabelo escorrido andando entre dois homens e água pingando de sua cabeça. Eu perguntei: ‘Quem é este?’ Eles disseram: ‘Ele é o filho de Maria’. Então eu olhei para trás e vi um homem de pele vermelha, gordo, cabelo encaracolado, cego do olho direito. Seu olho era como uma uva protuberante. Eu perguntei: ‘Quem é este?’ Eles responderam, ‘Ele é Ad-Dajjāl’. Aquele que se assemelha a ele entre as pessoas é Ibn Qatan.”

Az-Zuhrī disse: “Ibn Qatan era um homem da tribo de Kuzā’ah que morreu nos dias de Jāhiliyyah (pré-Islām).” [Al-Bukhāri, nº 3441]

Nas narrações, ele menciona que há um impedimento ou deficiência em ambos os olhos, o direito e o esquerdo. Um deles está cego e o outro protuberante como uma uva. An-Nawawī disse: “Ele não pode ver através de um deles devido à luz sendo removida dele, ele não se projeta, nem é profundo. O outro olho não perdeu a luz, mas está prejudicado de uma maneira diferente, é protuberante e saliente.” [Sharhun-Nawawī ‘ala Muslim 18/61]

Onde Está o Dajjāl (Anticristo)?

O Ahlus-Sunnah sustenta que o Ad-Dajjāl é um humano que estava vivo na época do Profeta ﷺ e permanecerá assim até que Jesus, o filho de Maria, o mate antes da Hora. Fatimah bint Qais disse:

“Eu ouvi o chamador do Mensageiro de Allāh ﷺ gritar: ‘Reúna-se para a oração.’ Eu então saí e orei junto com o Mensageiro de Allāh ﷺ. Quando o Mensageiro de Allāh ﷺ terminou sua oração, ele se sentou no púlpito rindo. Então ele ﷺ disse: ‘Todos devem permanecer onde oraram. Você sabe por que eu os juntei? ‘Eles disseram: ‘Allāh e Seu Mensageiro sabem melhor. Ele ﷺ disse: ‘Eu não os convidei para algumas notícias terríveis ou algumas notícias boas. Em vez disso, chamei todos vocês porque Tamīm Ad-Dārī, um cristão, veio e aceitou o Islām. Ele me disse algo que concorda com o que eu estava falando sobre o Dajjāl. Ele me disse que navegou com trinta homens das tribos de Lakhm e Judhām e que eles foram pegos por uma tempestade no mar por um mês. Em seguida, eles se aproximaram de uma ilha enquanto o sol se punha. Eles se sentaram em um barco próximo a eles e entraram na ilha, onde foram recebidos por uma fera coberta de pelos. Eles disseram: ‘Ai de você! O que é você?’ Ele respondeu: ‘Eu sou o Jassāsah. Agora vá até aquele homem que está no mosteiro, pois ele está ansioso para receber notícias de você.’ Ele disse: ‘Quando ele nos chamou um homem, ficamos com medo que este animal fosse um demônio fêmea.’ Então, saímos rapidamente e entramos no mosteiro onde encontramos um homem com o corpo mais grande e forte que já tínhamos visto, com as mãos acorrentadas ao pescoço. Ele perguntou-lhes sobre as palmeiras de Baisān e a primavera de Zughar e sobre o Profeta iletrado. Então ele disse: ‘Eu sou o Messias (ou seja, o Anticristo) e em breve terei permissão para emergir’.” O Profeta ﷺ disse: ‘Ele está no mar da Síria ou no mar do Iêmen. Não! Em vez disso, é para o leste, é onde ele está.’ Ele disse duas vezes e apontou a mão para o leste. Ele disse: ‘Eu memorizei do Mensageiro de Allah ﷺ.’ [Abu Dāwūd,  nº 4326]

 Em outra narração, o Dajjāl disse para aqueles que vieram para a ilha:

Ele está no mar da Síria ou no mar do Iêmen. Não! Em vez disso, é para o leste, é onde ele está. “Ele disse duas vezes e apontou a mão para o leste. Ele disse: ‘Eu memorizei do Mensageiro de Allah (ﷺ).’ (Abu Dāwūd 4326) Em outra narração, o Dajjāl disse para aqueles que vieram para a ilha: “O Profeta dos analfabetos veio agora?” Tamīm Ad-Dārī respondeu: “Sim”. Ele então perguntou: “Eles o obedeceram ou desobedeceram?” Tamīm disse: “Eles o obedeceram”. Ele disse: “Isso é melhor para eles”. (Abu Dāwūd 4325)

Abu Bakr, raḍiAllāhu ‘anhu, relatou que o Profeta ﷺ disse:

أَنَّ الدَّجَّالَ يَخْرُجُ مِنْ أَرْضٍ بِالْمَشْرِقِ يُقَالُ لَهَا خُرَاسَانُ يَتْبَعُهُ أَقْوَامٌ كَأَنَّ وُجُوهَهُمُ الْمَجَانُّ الْمُطْرَقَةُ

“O Dajjāl emergirá de uma terra no leste chamada Khurāsān e será seguido por pessoas com rostos como escudos martelados.” [Ibn Majah, nº 4072]

 E em uma narração de Muslim:

 “O Dajjāl será seguido por setenta mil judeus de Isfahān.” Isfahan é a capital da província de Isfahan no Irã, localizada a cerca de 340 quilômetros (211 milhas) ao sul de Teerã.

O Shaykh ibn Uthaymin, rahimahullāh, disse:

يخرج من المشرق من جهة الفتن والشر كما قال النبي صلى الله عليه وسلم: “الفتنة هاهنا” وأشار إلى المشرق، فالمشرق منبع الشر والفتن يخرج من المشرق من خراسان مارّاً بأصفهان

“Ele aparecerá do Leste, da direção das tribulações, assim como o Profeta ﷺ disse: ‘A fitnah é de lá’ e apontou para o leste. Portanto, o Leste é a fonte do mal e da tribulação – ele emergirá do Leste, de Khurasān e passará por Isfahān.” [Majmū’ Fatawā de Ibn ‘Uthaymīn – Capítulo: O Último Dia]

Trinta Dajjāls Aparecerão Antes da Última Hora – Cada Um Reivindicando a Profecia

Abu Hurayrah, raḍiAllāhu ‘anhu, afirmou que o Profeta ﷺ disse:

لا تقومُ السَّاعَةُ حتَى يَخْرُجَ ثَلاَثَونَ دَجَّلُونَ كَلُّهُمْ يَزْعُمُ بُنَهُ رُسُولُ اللَّهِ

“A Última Hora não virá antes que haja trinta Dajjālūn (mentirosos), cada um reivindicando para si mesmo que é um Mensageiro de Allāh.” [Abu Dāwūd, nº 4333]

Abu Hurayrah, raḍiAllāhu ‘anhu, afirmou que o Profeta ﷺ disse:

لا تقومُ السَّاعَةُ حَتَّى يَخْرُجَ ثَلاَثُونَ كَذَّابًا دَجَّالً كلُّهُمْ يَكْذِبُ عَلَى اللَّهِ وَعَلَى رُسُولِ

“A Última Hora não virá antes de trinta Mentirosos e Dajjālūn, cada um mentindo sobre Allāh e Seu Mensageiro.” [Abu Dāwūd, nº 4334]

Portanto, qualquer pessoa que alega receber revelação de Allāh após a morte do Mensageiro de Allāh é um mentiroso e um Dajjāl. Ibn ‘Abbās narrou de Abu Hurayrah que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

“Eu vi em um sonho como se houvesse duas pulseiras de ouro em minhas mãos, o que me incomodou muito. Então, foi revelado para eu soprar sobre elas. Então, eu soprei nelas e elas voaram. Portanto, eu as interpretei como dois mentirosos que aparecerão depois de mim: o primeiro é Musaylimah de Yamāmah e o segundo é Al-‘Ansī de San’ā.” [Tirmidhī, 2292, Sahīh]

Ambos alegaram ser profetas durante e após o Mensageiro de Allāh ﷺ.

O Aparecimento do Mentiroso e do Assassino e a Morte de Abdullāh Ibn Az-Zubayr:

O Imām Muslim relatou em seu Sahīh (2545) que Abu Naufal disse:

“Eu vi o corpo de ‘Abdullāh ibn Zubayr pendurado na estrada nos arredores de Madinah. Os Quraish e as pessoas passaram por ele. Então Abdullāh ibn ‘Umar aconteceu de passar. Então ele ficou lá e disse:

‘Que a paz esteja com você, Abu Khubaib! Que a paz esteja com você, Abu Khubaib! Que a paz esteja com você, Abu Khubaib! Por Allāh, eu costumava te proibir disso. Por Allāh, eu conhecia você como um dos que jejuavam frequentemente, rezava muito a noite e mantinha os laços de parentesco. Aqueles a quem você pertencia eram chamados de maus, mas por Allāh, eles são bons.’

A postura de Ibn ‘Umar alcançou Al-Hajjāj. Como resultado, o corpo de Ibn Az-Zubayr foi retirado do cadafalso de onde estava pendurado e jogado nas sepulturas dos judeus. então Al-Hajjāh enviou seu mensageiro para Asmā bint Abu Bakr, a mãe de Abdullāh ibn Az-Zubayr, para que ela fosse até ele, mas ela se recusou a vir. Ele novamente enviou o mensageiro para ela com a mensagem de que ela deveria vir, caso contrário, ele a traria puxando-a pelos cabelos à força. Mas ela recusou novamente e disse:

‘Por Allāh, eu não irei até você até que você envie alguém para me arrastar puxando meu cabelo.’

Em seguida, ele disse:

‘Traga-me meus sapatos.’

Ele calçou os sapatos e caminhou rapidamente, inchando de orgulho até que ele foi até ela e disse:

‘O que você acha que eu fiz com o inimigo de Allāh?’ Ela disse:

‘Eu acho que você o injustiçou neste mundo, enquanto ele estragou sua Vida Futura. Disseram-me que você costumava chama-lo de filho de O Possuidor de Dois Cintos (ذَاتِ النِّطَاقَيْنِ). Por Allāh, eu sou realmente a Possuidora dos Dois Cintos. Um cinto que usei para suspender a comida do Mensageiro de Allāh ﷺ e de Abu Bakr no alto, levando-a para fora do alcance dos animais. No que diz respeito ao segundo cinto, é o cinto do qual nenhuma mulher pode passar. Em verdade, o Mensageiro de Allāh ﷺ nos disse que em Thaqīf nasceria um grande mentiroso e um grande assassino. O mentiroso nós já o vimos e no que diz respeito ao assassino, não encontro ninguém além de você.’ Então Al-Hajjāj se levantou e não deu nenhuma resposta a ela.’”

An-Nawawī disse em sua explicação:

“Quanto ao dito dela sobre o mentiroso: ‘Nós já o vimos’ então ela quis dizer Al-Mukhtār ibn Abī ‘Ubayd Ath-Thaqafī (m. 67H) que era um mentiroso severo. Dos seus ditos vis estava a sua afirmação que Jibrīl (Anjo Gabriel – ‘alayhis-salām) vem até ele. Os sábios concordam que a intenção do Mensageiro ﷺ quando ele disse: ‘O mentiroso’ é Al-Mukhtār ibn Abī ‘Ubayd Ath-Thaqafī e o ‘grande assassino’ é Al-Hajjāj ibn Yūsuf (do Thaqīf… (ذَاتِ النِّطَاقَيْنِ))”

Ibn Kathīr, rahimahullāh, disse no volume 8 de Al-Bidāyah wa Nihayah na biografia de Al-Mukhtār Ath-Thaqafī que:

“Seu pai abraçou o Islām na época do Mensageiro ﷺ, embora ele não o conhecesse… Al-Mukhrār era um Nāsibī que odiava ‘Alī ibn Abī Tālib, raḍiaAllahu ‘anhu, com um ódio severo. Ele afirmou que a Revelação veio a ele por meio de Jibrīl (Anjo Gabriel – ‘alayhis salām).”

O Rāsfidah Shī’ah, no entanto, o reverencia devido à sua tentativa de vingar a morte de Husain ibn ‘Alī em Karbala.

Portanto, qualquer pessoa que alega receber a revelação após o Profeta ﷺ é um mentiroso e um Dajjāl. Houve vários Dajjālūn que reivindicaram a missão de profeta após a missão do Mensageiro Muḥammad ﷺ. Alguns alegaram que estavam recebendo a revelação de Allāh através de Jibrīl, outros alegaram que eles são Jesus e o Messias, outros alegaram que tinham um livro enviado a eles por Allāh. Cada um é abrangido pela declaração do Profeta ﷺ:

“A Última Hora não virá antes que surjam trinta Dajjālūn (mentirosos), cada um reivindicando para si mesmo que é um Mensageiro de Allāh.” [Abu Dāwūd, nº 4333]

Muitos dos estudiosos de ḥadīth rotulariam um fabricante conhecido e mentiroso que inventou o ḥadīth como um Dajjāl devido à declaração do Profeta ﷺ:

“A Última Hora não virá antes que surjam trinta mentirosos Dajjālūn, cada um mentindo sobre Allāh e Seu Mensageiro.” [Abu Dāwūd, nº 4334]

Eventualmente, depois desses mentirosos, aparecerá o Masīḥ Ad-Dajjāl que causará estragos. O Mensageiro ﷺ disse:

“O Dajjāl não aparecerá até que as pessoas tenham parado de mencioná-lo, de forma que até mesmo os Imāms em seus púlpitos (manābir) irão parar de mencioná-lo.” [Al-Haythamī em Majma ‘Az-Zawā’id 7/646, com uma cadeia de transmissão hasan.]

Ele ﷺ também disse:

“Não há entre a criação de Ādam até o Dia da Ressurreição caso mais grave do que o Dajjāl.” [Muslim, nº 2946]

O Que o Dajjāl Trará e Com Quem Aparecerá

O Mensageiro ﷺ disse:

“Ele trará com ele o que se assemelha com o Jannah (Paraíso) e o que se assemelha com o Fogo.” [Al-Bukhārī, nº 3338 e Muslim, nº 2836]

Em uma narração, ele ﷺ disse:

“Eu sei o que o Dajjāl terá com ele. Ele terá dois rios fluindo, um que aos olhos parece ser água limpa e outro que parece ser fogo flamejante. Se alguém vir isso, que vá até o rio que ele pensa ser fogo e feche os olhos, então abaixe a cabeça e beba dele, pois é água fria.” [Muslim, nº 2934]

O Dajjāl terá com ele os Khawārij. Ibn ‘Umar relatou que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

 “Um grupo surgirá que irá recitar o Qur.ān, mas isso não irá além de suas gargantas. Cada vez que uma facção entre eles surgir, será cortada até que o Dajjāl apareça entre eles.” [Sahīh Al-Jāmi’, nº 8171 e Ibn Mājah, nº 179]

Em uma narração ocorre que “O Dajjāl virá com os judeus de Isfahān (Asbahān), haverá com ele 70.000 judeus vestindo xales Persas.” [Muslim, nº 2944]

Quando o Dajjāl aparecer, as pessoas fugirão dele em busca de abrigo nas montanhas [Sahīh Muslim]. Um crente avisará as pessoas dizendo:

“Ó povo! Este é o Dajjāl sobre quem o Mensageiro de Allāh ﷺ nos informou.” Então o Dajjāl o colocará de bruços. Ele será atingido nas costas e na frente. O Dajjāl perguntará a ele: “Você não acredita em mim?” Ele dirá: “Você é o falso Messias.” Assim, o Dajjāl dará uma ordem para que ele seja serrado em duas metades, da cabeça às pernas. Então o Dajjāl andará entre as duas metades e dirá: “Levante-se” e ele ficará de pé. Então ele dirá: “Você acredita em mim?” A pessoa dirá: “Agora tenho certeza de que você é o Dajjāl.” Então o crente dirá: “Ó povo! Ele não será capaz de fazer isso novamente com ninguém depois de mim desta maneira.” Portando, o Dajjāl tentará mata-lo. O espaço entre o pescoço e a clavícula se transformará em cobre e ele não encontrará como mata-lo. Depois, o Dajjāl o pegará pelas mãos e pelos pés e o jogará no fogo. As pessoas pensarão que ele foi lançado no fogo, mas na verdade ele será lançado no Paraíso. O Mensageiro de Allāh ﷺ acrescentou:

“Ele será o mais eminente entre as pessoas no que diz respeito ao martírio perto ao Senhor dos mundos.” [Muslim, nº 2938]

Ibn ‘Abbās, radiAllahu ‘anhu, disse que o Mensageiro de Allāh ﷺ costumava ensiná-los está súplica como ele ﷺ  costumava ensiná-los uma Sūrah do Qur.ān:

اللَّهُمَّنإِي أَعُوذُ بِكَ مِن عَذَابِ جَهَنَّمَ وَمِنْ عَذَابِ الْقَبْرِ وَأَعُوذُ بِكَ مِنْ ِْْْ

“Ó, Allāh, em verdade, eu busco refúgio em Ti da punição do Inferno, da punição do túmulo, eu busco refúgio em Ti da fitnah do Masīh Ad-Dajjāl e eu busco refúgio em Ti da fitnah da vida e da morte.” [Tirmidhī, nº 3494]

El e ﷺ comandou que isso deve ser recitado antes que uma pessoa faça o taslīm no final da oração. [Bukhārī, nº 6375 e Muslim, nº 549]

O Retorno de ‘Īsā, o Filho de Maryam (que a paz esteja com ele)

Assim, enquanto o Falso Messias espalha sua turbulência e tribulação por toda a terra, os crentes aguardarão o Profeta Jesus, filho de Maria (que a paz esteja com ele). O Profeta ﷺ disse:

“Enquanto eles estiverem assim, Allāh enviará Jesus, filho de Maria, que descerá ao minarete branco a leste de Damasco, vestindo duas vestes tingidas, apoiando as mãos nas asas de dois anjos. Quando ele abaixar a cabeça, gotas de suor cairão dela [como pérolas]. Todo descrente que sentir a fragrância de seu hálito morrerá e seu hálito chegará tão longe quanto seus olhos podem ver. Ele partirá e alcançará o Dajjāl no portão de Ludd e o matará. O Profeta de Allāh, Jesus virá para algumas pessoas a quem Allāh protegeu e ele limpará seus rostos e lhes falará de sua situação no Paraíso.” [(Ibn Mājah, nº 4075]

Quando o Dajjāl aparecer, os crentes serão poucos. Umm Sharīk bint Abil-‘Ukar, raḍiAllāhu ‘anhā, perguntou:

“Ó Mensageiro de Allāh, onde estarão os árabes nesse dia?” Ele ﷺ disse: “Nesse dia eles serão poucos e a maioria deles estará em Baitul-Maqdis (isto é, Jerusalém), e seu líder será um homem justo (o Mahdī). Quando seu líder der um passo à frente para conduzi-los na oração Fajr, Jesus, o filho de Maria, descerá até eles. Seu líder dará um passo para trás para que Jesus possa vir e liderar as pessoas em oração, mas Jesus colocará sua mão entre seus ombros e dirá a ele: “Vá em frente e ore, pois o iqāmah foi dado por você”. Então, seu líder os guiará em oração. Quando ele terminar, Jesus dirá: “Abra o portão”. Então, eles vão abri-lo e atrás dele estará o Dajjāl junto com setenta mil judeus, cada um deles carregando uma espada adornada e vestindo uma capa esverdeada. Quando o Dajjāl o vir, ele começará a derreter como o sal derrete na água. Ele fugirá e Jesus dirá: “Tenho apenas um golpe para você, do qual você não poderá escapar!” Ele o alcançará no portão leste de Ludd e o matará.” [Ibn Mājah 4077, Ibn Khuzaymah em At-Tawhīd 2/458, Al-Hākim em Al-Mustadrak 8620. Autenticado por Al-Albānī em Sahīh Al-Jāmi ’7875]

Abu Hurayrah declarou que o Profeta ﷺ disse:

“A hora não começará até que Jesus, o filho de Maria, venha como um juiz justo e um governante justo. Ele quebrará a cruz, matará os porcos e abolirá o Jizyah e a riqueza se tornará tão abundante que ninguém a aceitará.” [Ibn Mājah, nº 4078]

Ele ﷺ também declarou que quando Jesus estabelecer a justiça:

 “Ninguém será designado para coletar o Zakāh de ovelhas e camelos. Os rancores e o ódio mútuo desaparecerão e o veneno de cada criatura venenosa será removido, para que um menino coloque a mão em uma cobra e ela não o faça mal, uma menina faça um leão fugir e não faça mal ela, o lobo estará entre as ovelhas como seu cão pastor. A terra ficará cheia de paz, assim como um vaso se enche de água. As pessoas serão unidas e ninguém será adorado, exceto Allāh. A guerra cessará e os Quraish não estarão mais no poder. A terra será como uma bandeja de prata com sua vegetação crescendo como na época de Adão, até que um grupo de pessoas se reúna em torno de um cacho de uvas e isso seja suficiente para eles e um grupo se reúna em torno de uma única romã e isso bastará para eles. Um boi será vendido por uma grande quantia e um cavalo será vendido por alguns Dirhams.” Eles perguntaram: “Ó Mensageiro de Allāh, por que os cavalos serão tão baratos?” Ele respondeu: “Eles nunca mais serão montados na guerra.” Foi-lhe dito: “Por que os bois serão tão caros?” Ele disse: “Porque toda a terra será arada”. [Ibn Mājah, nº 4077, Ibn Khuzaymah em At-Tawhīd 2/458, Al-Hākim em Al-Mustadrak 8620. Autenticado por Al-Albāni em Saheeh Al-Jāmi ’7875]

O Surgimento de Ya’jūj e Ma’jūj (Gog e Magog):

É enquanto Jesus reina que Ya’jūj e Ma’jūj (ou Gog e Magog como são referidos na Bíblia) emergirão e causarão estragos na terra, nas pessoas, em suas terras e em seu gado. Abu Sa’īd Al-Khudrī disse que o Mensageiro de Allāh ﷺ disse:

حَتَّىٰ إِذَا فُتِحَتْ يَأْجُوجُ وَمَأْجُوجُ وَهُم مِّن كُلِّ حَدَبٍ يَنسِلُونَ

“Até quando Ya’jūj e Ma’jūj  (Gog e Magog) forem soltos (da barreira deles) e todos se precipitarem para todas as colinas.” [Al-Anbya (21): 96]

Eles se espalharão por toda a terra, e os muçulmanos fugirão deles até que o restante dos muçulmanos busque refúgio em suas cidades e fortalezas, levando seus rebanhos com eles. Ya’jūj e Ma’jūj passarão por um rio e beberão dele até que não deixem nada para trás, e o último deles seguirá seus passos e um deles dirá: ‘Era uma vez água neste lugar.’ Eles prevalecerão sobre a terra, então seu líder dirá: ‘Estas são as pessoas da terra e nós acabamos com elas. Agora, vamos lutar contra o povo do céu!’ Então um deles lançará sua lança para o céu e ela voltará suja de sangue. E eles dirão: ‘Nós agora matamos o povo do céu.’ Enquanto eles estiverem assim, Allāh enviará um verme semelhante a um verme que se encontra no nariz das ovelhas, que penetrará em seus pescoços e eles morrerão como gafanhotos , um em cima do outro. De manhã, os muçulmanos não ouvirão nenhum som deles e dirão: ‘Quem venderá sua alma por Allāh e verá o que estão fazendo?’ Um homem descerá, tendo-se preparado para ser morto por eles e ele os encontrará mortos, então ele gritará ao seu povo: ‘Boas notícias para todos vocês, pois o seu inimigo está morto!’ Então o povo sairá e deixará seus rebanhos soltos, mas eles não terão nada para pastar exceto sua carne e eles ficarão muito gordos como se estivessem pastando na melhor vegetação que já encontraram.” [Ibn Mājah, nº 4079]

Em uma narração, o Mensageiro Muhammad ﷺ disse que encontrou Jesus na Jornada Noturna e Ascensão pelo Céu. Jesus disse:

“O povo suplicará a Allāh (para salvá-los de Ya’jūj e Ma’jūj) e eu suplicarei a Allāh para matá-los. A terra se encherá de seu fedor e as pessoas suplicarão a Allāh e eu suplicarei a Allāh, então o céu enviará chuva que os levará e os jogará no mar. Então as montanhas se transformarão em pó e a terra se estenderá como um couro. Foi-me prometido que, quando isso acontecer, a Hora chegará sobre as pessoas, assim como uma mulher grávida cuja família não sabe quando ela dará à luz de repente.” [Ibn Mājah, nº 4081]

Que Allāh nos proteja do mal desses dias. Buscamos refúgio em Allāh da fitnah do Masīhid-Dajjāl. Pedimos a Allāh que nos salve dos terrores da Última Hora e dos terrores do Dia da Ressurreição. Pedimos a Ele que nos proteja na sombra de Seu Trono no Dia em que não houver sombra exceto Sua Sombra e pedimos a Ele que nos dê de beber do reservatório do amado Profeta ﷺ, seu Hawd que está preparado para o Ahlus-Sunnah wal-Jamā’a.

Tradução: ‘Aishah bint Humberto Barletta.

Texto original em: https://www.abukhadeejah.com/dajjal-false-messiah-jesus-gog-magog/

Texto originalmente escrito por: ‘Abu Khadeejah

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s